pci dss

Afinal, o que é o PCI DSS e para quem é indicado? Confira!

A era digital trouxe diversas possibilidades de negócios, porém, com elas, também vieram uma maior incidência de fraudes e golpes, o que exige das empresas uma maior atenção à segurança da informação. A certificação PCI DSS faz parte de uma iniciativa da indústria de cartões para proteger o consumidor.

Com a grande quantidade de tentativas de fraudes dentro do meio online, esse movimento busca blindar os sistemas de pagamento contra as investidas de criminosos, sendo fundamental para manter o mercado online em crescimento.

Ao longo deste post, nós vamos mostrar para você o que é e do que se trata realmente o PCI DSS, quais seus principais requisitos de controle, como implantar e certificar a sua empresa e quais os benefícios disso como um todo. Boa leitura!

O que é a certificação PCI DSS

A certificação PCI DSS é uma normatização de cunho internacional, criada por empresas que fazem parte da indústria de cartões para garantir que as organizações que utilizam serviços de pagamento sigam determinados padrões internacionais de segurança e boas práticas nas operações envolvendo pagamento com cartão.

Todas as empresas que se utilizam de bandeiras de cartões como meios de pagamento, precisam atender aos requisitos exigidos por essa certificação.

A PCI DSS se aplica a todos os tipos de pagamentos, os presenciais, realizados nas máquinas físicas com cartões de chip ou tarja, e também os chamados pagamentos digitais, em e-commerces, aplicativos e sites, definindo padrões de segurança para garantir a proteção dos usuários.

Quais os requisitos do PCI DSS

A norma traz, uma série de requisitos, 12 ao total, divididos em 6 categorias, sendo fundamental cumprir com todos eles para obter a certificação. Vamos mostrar cada um deles.

Construir uma rede segura para transações

  • aplicar um firewall efetivo, que garanta a proteção contra os tipos mais comuns de malwares, sem pesar demais as transações;
  • não utilizar as configurações e senhas padrão de acesso entregues pelos fornecedores das soluções, sempre realizar a troca.

Proteger as informações do titular do cartão

  • proteger de forma incisiva todos os dados referentes ao titular do cartão que poderiam ser utilizadas em fraudes, como data de nascimento, números de documentos, e-mail e outros;
  • utilizar-se de criptografia sempre que se for transmitir os dados de uma transação de pagamento em redes públicas.

Manter o sistema protegido

  • aplicar sistemas de antivírus, frequentemente atualizados, que busquem vulnerabilidades e garantam a segurança do ambiente e dos bancos de dados contra invasões e vazamentos;
  • desenvolver sistemas seguros, atualizados com as mais novas tecnologias e protegidos.

Implementar controles de acesso

  • restringir o acesso aos dados dos titulares dos cartões apenas para os colaboradores que realmente necessitam desse acesso;
  • criar logins únicos para cada um dos colaboradores, permitindo assim o rastreio das atividades dentro da rede e dos sistemas;
  • restringir o acesso físico aos dados, evitando que qualquer pessoa possa chegar até os servidores que as informações estão salvas.

Monitorar a rede de forma frequente

  • rastrear de forma frequente todos os acessos e movimentações dentro da rede e a circulação de dados de cartões de crédito e débito;
  • testar periodicamente todo o sistema de segurança da rede utilizada assim como todos os processos envolvidos.

Criar e manter uma política formal de segurança

  • definir uma política de segurança a ser seguida por todos os colaboradores da empresa para controle e proteção dos dados em circulação.

Como obter esse certificado

A PCI Compliance Assessment é uma auditoria, realizada para avaliar se uma empresa atende ou não aos requisitos exigidos pela PCI DSS, ou seja, se está em conformidade, ou apresentar o que deve ser aplicado para atingir esse objetivo.

Durante essa avaliação, um avaliador de segurança, que faz parte de uma empresa ou entidade certificada pelo concelho do PCI, determina se a empresa alcançou todos os 12 requisitos dentro das 6 categorias da certificação.

Além disso, a avaliação é realizada de forma periódica. Uma vez ao ano, a empresa certificada deve ser reavaliada para comprovar a sua conformidade com um questionário de autoavaliação. O processo de certificação é composto por algumas verificações:

  • verificação do conhecimento da equipe;
  • auditoria externa homologada;
  • processo interno de auditoria;
  • pentest e escaneamentos de rede;
  • testes de segurança para buscar por fragilidades;
  • verificação de cerca de 20 critérios de blindagem contra tentativas de fraude.

Quais as suas vantagens

Investir na certificação PCI DSS não trata apenas de segurança ou de cumprir uma exigência. Ela pode trazer uma série de vantagens para sua empresa, uma vez que se aplicam tecnologias e práticas que visam blindar todo o processo de pagamento. Vamos listar alguns dos benefícios.

Proteger informações

Processar pagamentos exige uma grande responsabilidade. Um sistema fraco e simples de burlar atrai cibercriminosos e coloca os seus clientes em risco. O PCI auxilia a entender o que é importante e como se proteger contra fraudes e tentativas de roubo de dados.

Ao implantar o PCI DSS, você e sua equipe terão a certeza de que todos os pagamentos processados estarão o mais seguro possível, e que as normas internacionais estão sendo cumpridas para evitar problemas.

Limitar prejuízos

A violação de dados é um problema que vem aumentando ao longo dos anos por conta da falta de segurança com que algumas empresas tratam as informações recebidas pelos clientes.

Com a promulgação da LGPD e outros dispositivos de proteção ao consumidor e seus dados, um vazamento pode trazer consequências catastróficas para uma empresa, gerando altas multas a se pagar.

Além disso, as fraudes abrem brechas para que os cibercriminosos usem os dados dos cartões de seus clientes, vazados da sua base, para aplicar golpes, realizar saques, fazer comprar e outras atividades que gerarão ônus para sua empresa, afinal, será necessário ressarcir os clientes.

Outro ponto a se pensar é a questão dos processos por danos morais, perdas financeiras e outros motivos aplicados pelos consumidores lesados contra a sua empresa, o que pode onerar ainda mais um vazamento de dados.

Estar em conformidade com os principais requisitos de segurança, como o PCI DSS, evita todos esses prejuízos financeiros para a sua empresa.

Transmite mais confiança

O consumidor vem comprando cada vez mais pela internet, porém, ainda existem muitas pessoas receosas com as compras online, visto que não se sentem seguras em dispender suas informações em um site.

Ao manter a conformidade com normas internacionais de segurança, sua empresa garante a confiança do consumidor, que se sente muito mais seguro em realizar uma compra e compartilhar seus dados.

Cumprir com as normas

Além das regras comuns de segurança da web, o sistema financeiro conta com suas próprias regulamentações e exigências. Elas são muito bem fiscalizadas, o que traz ainda mais responsabilidade sobre o seu cumprimento.

Quem recebe pagamentos por meio de cartões precisa aplicar o PCI DSS. Deixar de utilizar essa certificação é um risco muito alto e que não vale a pena.

A certificação PCI DSS é fundamental para empresas que trabalham com pagamentos por cartão, garantindo a segurança das transações e dos dados dos clientes por meio de práticas seguras e eficazes de controle. Esperamos que isso tenha ficado claro ao final deste post! Ficou alguma dúvida, quer saber mais? Deixe um comentário aqui embaixo!

Powered by Rock Convert

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.